Cooperativismo como o indutor do desenvolvimento é foco do espaço temático na Expodireto

0
152

Este ano, o espaço temático do Cooperativismo da Emater/RS-Ascar, na Expodireto Cotrijal, mostrou o dinamismo e a inserção das cooperativas no desenvolvimento local e regional. Da mesma forma, foi apresentado um levantamento de dados referente ao trabalho realizado pelas Unidades de Cooperativismo (UCPs), que visa o fortalecimento e melhoria da gestão das cooperativas agropecuárias do RS.

No espaço temático, equipes das UCPs de Frederico Westphalen, Ijuí e Erechim, trouxeram produtos de cooperativas das três regiões, para representar as mais de 200 cooperativas atendidas pelas unidades no RS. “São produtos em que os associados, agricultores familiares, produzem a matéria-prima e a cooperativa faz a agroindustrialização, ou então o agricultor tem a sua agroindústria formalizada e depois faz a comercialização via cooperativa. Esses produtos são vendidos em feiras, para o consumidor final e também na alimentação escolar”, explicou a contadora da UCP de Frederico Westphalen, Lia Helena Rocha.

Na parcela da Expodireto, as equipes das UCPs também apresentaram os números do cooperativismo que envolvem o Programa de Extensão Cooperativa (PEC). Segundo os dados apresentados, observando uma amostra de 60 cooperativas assistidas pelo PEC (cooperativas da mesma atividade e com estrutura similar), houve evolução no setor. Em 2013, o número de associados das cooperativas era de aproximadamente sete mil e passou para mais de 8,5 mil, em 2017. As vendas do mercado institucional, que são muito representativas para as cooperativas, passaram de R$ 17 milhões, em 2013, para R$ 30 milhões, em 2017. Em vendas totais, as cooperativas analisadas saíram de um faturamento de R$ 92 milhões (2013), para mais de R$ 180 milhões, em 2017.

A UCP de Frederico Westphalen trouxe para o espaço temático o levantamento realizado na região e apresentou os números das cooperativas do Médio Alto Uruguai, que também confirmaram o crescimento do setor cooperativo.
A intercooperação também foi abordada na parcela. Um mapa ilustrou o exemplo de intercooperação que acontece dentro do RS através da Redecoop, que é uma associação de 42 cooperativas do Estado, das regiões de Erechim, Santa Rosa, Santa Maria, Canoas e envolve algumas cooperativas de Frederico Westphalen, e trabalha na organização da logística para a troca de produtos entre uma região e outra, buscando fortalecer ainda mais o setor, através da expansão da comercialização de produtos.

“É um setor em constante evolução. E a perspectiva é que se mantenha nesse crescimento. Acreditamos que o cooperativismo é uma via segura quando há gestão e seriedade das pessoas nas atividades que envolvem outros, como os associados, que colocam a confiança da sua produção, do que a sua propriedade produz, para aumentar sua renda através das suas organizações”, completou Lia.

Como tradição no espaço do Cooperativismo, este ano a Creluz, Cooperativa de Distribuição e Geração de Energia, cedeu mudas de árvores nativas para distribuição aos visitantes.

Prêmio Destaque

Na manhã de terça-feira (12/03), durante a Expodireto Cotrijal, a Emater/RS-Ascar foi agraciada com o prêmio Destaque Uirapuru. A premiação já é uma tradição para o veículo de imprensa, que nesta edição elegeu o setor de cooperativismo da Instituição na categoria inovação, pelo trabalho “o Cooperativismo como indutor do desenvolvimento”, apresentado na Feira deste ano.

Gestão Sustentável da Agricultura Familiar

No mesmo espaço na Expodireto Cotrijal, a Emater/RS-Ascar está divulgando o Programa Gestão Sustentável da Agricultura Familiar. O Programa, coordenado pelo Governo do Estado, é executado pela Emater/RS-Ascar e tem o objetivo de promover a gestão e adequação socioeconômica e ambiental das propriedades rurais familiares do RS, através do acompanhamento da execução dos planos de gestão, das ações de Assistência Técnica e Extensão Rural e Social (ATERS) e da construção de indicadores de impactos econômicos, sociais e ambientais. As famílias de agricultores que visitaram a Feira puderam conhecer mais sobre esse trabalho.

Assessoria de Imprensa Emater/RS-Ascar – Regional de Frederico Westphalen
Jornalista Marcela Buzatto
Fonte: EMATER/RS

Publicidade