Escola Municipal São Pedro implementa modalidade em tempo integral

Escola Municipal São Pedro implementa modalidade em tempo integral

2 de março de 2018 0 Por giruaimprensapm

O Governo Municipal através da Secretaria Municipal de Educação e Cultura conta a partir deste ano de 2018 com o TEMPO INTEGRAL na Escola Municipal de Ensino Fundamental São Pedro, com o objetivo de garantir o pleno desenvolvimento dos educandos em sua integridade, propiciando múltiplas oportunidades de aprendizagem por meio da ampliação de tempo e do acesso à cultura, arte, esporte, ciência e tecnologia. A Educação Integral não é apenas uma modalidade educacional que oferece maior tempo de permanência na escola, mas uma nova abordagem curricular, que amplia os espaços, de múltiplas oportunidades de aprendizagem, dentro e fora da escola, com base na concepção de um desenvolvimento pleno do ser humano. Os educandos dos anos iniciais – 1º ao 5º ano passarão a frequentar a escola em tempo integral nos turnos manhã e tarde, onde terão café da manhã, almoço, lanche da tarde e hora do descanso. Os componentes curriculares serão diversificados: Práticas de Leitura, Literatura e Escrita; Esporte, Recreação e Lazer; Musicalidade; Iniciação a Pesquisa; Língua Inglesa; Cultura e Arte; Vivências Matemáticas; Robótica Educativa; Saúde e Qualidade de Vida; Meio Ambiente e Desenvolvimento Sustentável, Prática de Laboratório e Cultura da Paz.

A Implantação do Tempo Integral promove a educação emocional e social dos educandos desde os anos iniciais, o que melhora significativamente a aprendizagem, o raciocínio, as relações e prepara os educandos para os desafios da vida, passando mais segurança para os pais, sabendo que seu filho está em um ambiente com Profissionais qualificados.

Na avaliação da Secretária de Educação e Cultura Elisenara Demeneghi Ternes, esta inovação está em consonância com o Plano Estadual de Educação, que prevê na Meta 6 a oferta de educação em tempo integral em, no mínimo, 50% das escolas públicas, de forma a atender, pelo menos, 25% dos alunos da educação básica até 2025. “-Os estudantes permanecerão no mínimo, sete horas diárias neste estabelecimento de ensino, nos turnos da manhã e da tarde, com a oferta de quatro refeições diárias, respeitando as diretrizes do Programa Nacional de Alimentação Escolar (PNAE)” – Ponderou a Secretária.