Giruá entra com recurso para revisão de bandeira vermelha

 

O prefeito Ruben Weimer esteve na manhã desse sábado (11), reunido com a assessoria jurídica para fazer o pedido de reconsideração de bandeira em Giruá, tendo em vista as possíveis restrições do comércio com a nova bandeira vermelha (alto risco) que entraria em vigor na próxima terça-feira através do modelo de distanciamento controlado imposto pelo Governo do Rio Grando do Sul.

A ação foi tomada em detrimento de um indicador do Estado do Rio Grande do Sul em que o município que não teve nenhum óbito e nenhuma internação nos últimos 14 dias pode entrar com esse recurso para retornar a bandeira laranja, independente de a região ser vermelha.
O Município de Giruá conta com uma taxa de ocupação dos leitos do Hospital de 24%, sendo nenhum deles de covid-19, portanto avaliou-se importante a realização desse pedido de reconsideração para que o estado do RS reveja a bandeira e o comércio, indústrias e serviços consigam manter sua atividade econômica sem maiores prejuízos, tendo em vista que os mesmos estão tomando todas as medidas e protocolos de higiene no atendimento dos seus consumidores e entre seus colaboradores.
O prefeito Ruben Weimer fala da importância de reconhecer o trabalho que vem sendo feito em Giruá, e que o mesmo não pode punir seus comerciantes que estão trabalhando de acordo com as normas, por isso se fez importante o pedido de reconsideração. “Quero salientar o importante trabalho do Comitê de Enfrentamento a Covid-19 em Giruá, que trabalha incansavelmente no combate a esse vírus, contando com importantes representates da sociedade civil que se preocupam em primeiro lugar com a vida das pessoas, sem esquecer da questão econômica e social”, salientou Ruben.
Lembrando que a nova bandeira tem data de vigência a partir de terça-feira, então o Governo do estado do RS fará a análise dos recursos e deferirá ou não o pedido até segunda-feira, podendo então, ser comunicada a nova bandeira na terça-feira.
Estiveram presentes no ato de assinatura do pedido de reconsideração da bandeira vermelha os assessores jurídicos: Alisson Prestes, Riane Mucha e Tanise Maciel, além da assessoria de imprensa da Prefeitura.



Fonte: Assessoria de Imprensa – Prefeitura Municipal de Giruá