Odair completa 20 meses como efetivo: ‘Ser treinador do Inter é para poucos’

Odair completa 20 meses como efetivo: ‘Ser treinador do Inter é para poucos’

25 de julho de 2019 0 Por admin
<script async src="https://pagead2.googlesyndication.com/pagead/js/adsbygoogle.js"></script>
<!-- NoroesteRS Horizontal Interna -->
<ins class="adsbygoogle"
     style="display:block"
     data-ad-client="ca-pub-6671241058894185"
     data-ad-slot="5444180360"
     data-ad-format="auto"
     data-full-width-responsive="true"></ins>
<script>
     (adsbygoogle = window.adsbygoogle || []).push({});
</script>

Nesta quinta-feira (25/07), Odair Hellmann completa 20 meses como efetivo no cargo de técnico colorado, feito que o ratifica como mais longevo treinador do Internacional nas últimas quatro décadas. Papito, como é carinhosamente tratado pelos atletas e torcedores, foi anunciado comandante da casamata vermelha no dia 25 de novembro de 2017, simbólica data da última partida do Clube do Povo na Série B do Brasileirão, e, desde então, ao longo de 96 partidas, tem se afirmado como um dos principais nomes do Clube do Povo nos últimos dois anos.

‘Papito’ comandou o Inter em mais uma vitória fora de casa na Libertadores

O ex-volante colorado, campeão da Copa São Paulo de Juniores em 1998, conduziu o Inter no processo de retomada de seu papel de protagonista no cenário futebolístico nacional e continental, que tem por consequência a presença do Clube do Povo, hoje, nas semifinais da Copa do Brasil, oitavas da Libertadores, e entre os seis primeiros no Campeonato Brasileiro, torneio no qual fomos terceiros na temporada passada. Uma caminhada belíssima, mas que tem seus desdobramentos: Odair pouco poderá comemorar sua façanha, mesmo que conquistada após um jogo difícil, “contra uma equipe experiente que sabe jogar em casa e usar da força do seu estádio, e que não ainda não tinha perdido como mandante nesta Libertadores”, como o treinador destacou após a partida contra o Nacional, nesta quarta-feira (24/07)

Jovem Odair, volante colorado

Embora venha em boa hora, a conquista pessoal também exige do comandante vermelho máxima atenção para a partida deste sábado, contra o Ceará, pelo Campeonato Brasileiro – e todas as que estão por vir -, uma vez que o alto nível do trabalho segue elevando cada vez mais a expectativa da torcida. Odair sabe disso, consciente, como sempre esteve, da importância do cargo que ocupa.

Em entrevista concedida com exclusividade ao Site do Inter, o treinador definiu o sentimento em comandar um gigante do futebol mundial. “É um orgulho, uma honra. Ter essa oportunidade de treinar o Inter é para poucos, então atingir essa marca me orgulha. Mas a gente quer mais, e assim é o meu trabalho, fazendo cada dia mais, para seguir no clube, vencendo, conquistando e retribuindo nosso torcedor.” Um torcedor que treina, ou treinador que torce, seja como for, Odair Hellmann está, dia após dia, escrevendo um relevante capítulo na rica história do Sport Club Internacional. Parabéns, Papito!

Fonte: Sport Club Internacional

<script async src="https://pagead2.googlesyndication.com/pagead/js/adsbygoogle.js"></script>
<!-- NoroesteRS Horizontal Interna -->
<ins class="adsbygoogle"
     style="display:block"
     data-ad-client="ca-pub-6671241058894185"
     data-ad-slot="5444180360"
     data-ad-format="auto"
     data-full-width-responsive="true"></ins>
<script>
     (adsbygoogle = window.adsbygoogle || []).push({});
</script>
<script async src="https://pagead2.googlesyndication.com/pagead/js/adsbygoogle.js"></script>
<!-- NoroesteRS Horizontal Interna -->
<ins class="adsbygoogle"
     style="display:block"
     data-ad-client="ca-pub-6671241058894185"
     data-ad-slot="5444180360"
     data-ad-format="auto"
     data-full-width-responsive="true"></ins>
<script>
     (adsbygoogle = window.adsbygoogle || []).push({});
</script>